Série: Stranger Things #BEDA26

Hey people, aqui é a Pâmella!

 

Hoje vamos falar sobre a nova série da Netflix queridinha do momento: Stranger Things! Miga, aqui vai uma dica: se você não quer ficar completamente APAIXONADA por essa série, nem termina de ler esse post pois, ela é a coisa mais apaixonante e viciante desse nosso universo. ❤

 

PS: CONTEM SPOILERS!!!!!!! 

stranger-things-banner

Boa parte dos meus amigos estava falando e postando sobre a série nas redes sociais. Depois de muito falarem e me encherem a paciência pra assistir, lá fui eu me aventurar… Preciso dizer que logo no primeiro episódio eu já me apaixonei e maratonei a série em 4 dias (até porque ela é curtinha, tem só 8 episódios). Confesso que quando acabou essa primeira temporada eu fiquei tipo:
giphy

NÃO ACREDITO!!!! Como assim acabou? 

A série é recheada de referências dos anos 80, desde trilha sonora (que eu vou falar sobre ela daqui um minutinho), até pôsteres e cenas que tem um toque dos maiores sucessos da década. Toda trama ocorre por volta de 1983 então, tem muita coisa desse tempo pra prestar atenção. E se você, assim como eu, nasceu depois desse tempo, resta á nós ir atrás de conhecer esses clássicos para entender as referências e, muito provavelmente por conta de Stranger Things, começar a gostar delas.

As principais referências são Os Gonnies e Conta Comigo, mas também há cenas em que podemos ver claramente ET – O Extraterrestre A Chance, filme com o Tom Cruise que aparece em um dos letreiros do cinema. Temos também a Joyce chamando o Will para assistir Poltergeist- O Fenômeno e diversos pôsteres espalhados pelo cenário, como: O Enigma do Outro Mundo, Tubarão, e Evil Dead – A Morte Do Demônio.

Tem também Contatos Imediatos do Terceiro Grau, cuja referência está na trama durante todo o período em que Joyce é chamada de louca por achar que se comunica com o filho pelas luzes (WHAT?) e temos o demogorgon que lembra bastante o queridinho Alien. Como eu disse, o filme é cercado desses pequenos detalhes de outros sucessos e faz quem conhece a década ter uma pequena dose de nostalgia.

A história gira em torno do desaparecimento de Will. Depois de passar a noite jogando RPG junto com Dustin, Mike e Lucas, Will está a caminho de sua casa quando alguma coisa completamente de outro mundo o persegue e ele desaparece.

Mas é óbvio que as coisas não poderiam ser tão simples assim, óbvio! Will encontra um meio de se comunicar com sua mãe, meio que isso que faz com que todos achem que ela está louca com toda a situação. Ele resolve se comunicar com luzes de natal. Claro que antes disso ele ainda tenta usar o telefone mas acho que a conexão no mundo invertido não funciona muito bem.

Além do desaparecimento de Will, um outro personagem também desaparece de forma tão misteriosa quanto: Barbara some depois de ir a uma “festa” junto com Nancy (irmã mais velha de Mike). Nancy se desespera e sai em busca da amiga e conta com a ajuda da pessoa mais improvável possível: Jonathan (irmão mais velho de Will), que apesar de estar preocupado com a mãe achando que ela surtou de vez e desesperado com o desaparecimento do seu irmão, acaba ajudando-a.

Os outros amigos de Will também resolve sair à procura do amigo, mas acabam encontrando Eleven (ou Onze, se bem que Eleven é bem mais bacana), uma garota de cabeça raspada, um pouco perturbada e com super poderes. Quem não gostaria de ter uma amiga assim, não é?

tumblr_oazecff1Lp1s3sirmo2_540

“Ela é nossa amiga, e ela é louca!”  

O mais bacana de toda a série é que foca bastante no código de amizade que os meninos usam entre eles e o que acontece quando eles sentem que a amizade deles é ameaçada. Fora as maravilhas de descobrir o primeiro amor e ter o coração partido. Tudo junto e misturado.

O delegado que cuida do caso do desaparecimento também tem um papel bastante importante durante a trama e um passado bastante confuso que eu espero que seja explicado na próxima temporada. Sim minha gente, a Netflix já confirmou a próxima temporada, só não está muito claro quando ela vai ser lançada mas, ficamos ai no aguardo para descobrir mais coisas.

Eu não sei dizer se a série é terror, se é mistério, se é ficção, não tem como definir esse seriado. Ele é uma perfeita incógnita, assim como toda a sua trama. Você passa boa parte do tempo tentando adivinhar o que vai acontecer em seguida, o que eles vão descobrir, da onde vem a Eleven e qual será o segredo dela, ou como o Demogorgon conseguiu uma passagem para o mundo real… É muita coisa para se apaixonar, muita coisa para prestar atenção, é muita coisa para viver junto em tão poucos episódios.

Dêem uma olhada nos trailers da série e me contem se não da uma vontade louca de assisti-la:

 

 

E o que dizer dessa trilha sonora que eu mal conheço e já considero pakas? Puro amor ❤

Claro que a trilha sonoro seria recheada de sucessos dos anos 80, e se você não conhece nenhum, pode se preparar porque você vai passar a conhecer e a adorar essa década.

E essa é a música que não vai sair nunca da sua cabeça. Ladies and Gentleman, enjoy it!

 Ah! Vocês sabem quem elogiou essa série, ninguém menos que Stephen King! E se o rei do terror recomendou, está recomendado.

E se você teve paciência de ler esse post até aqui, vou indicar para vocês um outro site que descreve real todos os sentimentos de um viciado em Stranger Things, só clicar aqui e se divertir com essas reações.

E por falar em diversão, o marketing da série está de parabéns, da uma olhada nesse site aonde você pode criar sua própria frase nas luzes, só clicar aqui e se divertir com suas frases.

Se você ainda não foi ver essa série mais que perfeita, aqui vai um recadinho diretamente do mundo invertido para você:

stranger-things-3

Corre cambada! 

Por hoje é só, exploradores. Até a próxima :*

AssinaturaPamella

Anúncios

Um comentário sobre “Série: Stranger Things #BEDA26

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s