Barulho: Dia do Rock

Hey pessoas!! Como vão??

 

Se você é um apaixonado por música como eu, deve estar dando pulinhos de alegria no dia de hoje, né? E se você está aí, sem ideia do que está acontecendo, cola comigo que eu te explico: hoje, dia 13 de julho, é considerado o Dia Mundial do Rock e o L’Explorateur não podia deixar essa data tão linda passar em branco.

Há 31 anos, no dia 13 de julho de 1985 acontecia o Live Aid, megashow de rock em prol do fim da fome na Etiópia. O mais legal é que, na verdade, foram dois shows acontecendo de forma simultânea na Filadélfia e em Londres. Aí, em determinado momento, Phill Collins, disse que gostaria que aquele dia fosse lembrado como o dia do rock, então, 5 anos depois, duas rádios brasileiras lembraram-se da data e começaram uma campanha para que ela passasse a ser comemorada anualmente.

E assim nasceu o Dia Mundial do Rock que, ironicamente, só é comemorado no Brasil.

Mas comemorado ou não, ninguém pode negar que o rock é um gênero musical de muita atitude e berço de diversos gênios da música, né? E Para os leigos que querem aprender um pouco ou para os roqueiros de carteirinha, aí vai uma pequena linha do tempo com os grandes nomes do Rock and Roll mundial…

 

Anos 50

Foi nos anos 50 que tudo começou. Nomes como Chuck Berry, Jerry Lee Lewis e Little Richards misturaram a música country, considerada branca com o rhythm and blues dos negros e criaram um ritmo novo, cheio de balanço e atitude.

A música “Rocket 88” de Jackie Brenston and his Delta Cat é considerada a primeira música ronck and roll gravada, A primeira banda de rock? Bill Haley & His CometsFoi nessa época também que Elvis Presley apresentou ao mundo sua voz maravilhosa e sua icônica forma de dançar.

Ah, sem esquecer que essa década nos deu de presente também o “Homem de Preto”, Johnny Cash!

 

Anos 60

Nos anos 60 o rock subiu à cabeça da juventude e nasceram várias das bandas que nós veneramos até hoje, como os Beatles, por exemplo…

Nasceram também os primeiros rebeldes do rock, como os Rolling Stones…

O movimento hippie ganha força e os ídolos da geração “Flower Power” também começam a aparecer…

Aqui no Brasil o rock, que até então era representado pela Jovem Guarda, ganha contornos mais liberais e menos caretas com o surgimento de nomes como Os Mutantes…

 

Anos 70

Foi a década onde o rock ganhou guitarras mais pesadas, dando origem ao Heavy Metal. A partir daí, vemos bandas com caras cabeludos e roupas escuras dominando o cenário.

Hey! Mas nem só de Heavy Metal e escuridão viveu os anos 70, viu? Foi também nessa década que um certo Starman começou a brilhar forte, marcando o início de mais um estilo: o glam rock…

Enquanto isso, aqui em terras tupiniquins, a gente aprendia que é melhor ser uma bela de uma metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo…

E cadê as manas?? Foi nos anos 70 que Joan Jett, Cherry Currie e as gatas do The Runaways provaram que a mulherada sabe sim pegar numa guitarra e, se bobear, manda melhor que muito barbado por aí…

E teve mais! Nos anos 70, nascia o Queen e o punk, que se firmou como um braço forte do rock, nos dando de presente bandas como Ramones e Sex Pistols…

 

Anos 80

Ufa! Depois de toda agitação dos 70’s, os anos 80 vieram numa pegada mais calma, talvez até um pouco deprê, trazendo consigo bandas como The Cure, com seu visual dark e lápis de olho borrado…

Foi também o início do rock alternativo, tendo o R.E.M. como seu representante máximo e os “good boys” do rock começaram a aparecer também, tendo o U2 como líder…

Começam a surgir bandas grandes até hoje como Guns’ n’ Roses, Red Hot Chili Peppers e The Smiths…

Enquanto isso, no Brasil, a gente testemunhava o nascimento de nomes como Barão Vermelho, Paralamas do Sucesso, Capital Inicial, RPM, Sepultura e Legião Urbana, assim como nosso xodó, o Rock in Rio… Sem esquecer que foi nessa década que a ideia do dia do rock surgiu, né?

 

Anos 90

Ah, os anos 90! Foi a década em que nasceu o grunge, um estilo que marcava não só um tipo de rock, mas também o comportamento e até a forma de se vestir de toda uma geração… Foi aí que o mundo ganhou o Nirvana e o Nirvana ganhou o mundo!

Sem esquecer dos meus queridos do Pearl Jam…

E teve também mais um novo tipo de rock nascendo: o pop punk. Que teve nos fanfarrões do Green Day seus representantes…

Aqui no Brasil, as coisas iam de vento em popa com caras como o Skank, os Raimundos, Charlie Brown Jr. e os saudosos Mamonas Assassinas…

 

Anos 2000

Foi uma verdadeira mistura, né?? Nasceram bandas que contavam com diversas influências e mais três estilos se firmaram: o nu metal do Linkin Park…

O hardcore do CPM 22 e do Dead Fish…

Foi aí que eu comecei a frequentar festivais de música, caí de amores de vez pelo rock e conheci meus musos do Forfun…

E o emocore… Sim, os emos foram muito zoados, coitados, mas ninguém pode negar que eles marcaram época, né?

Teve a baiana arretada da Pitty botando mais uma vez o nome das manas no cenário do rock…

Teve também o surgimento dos Strokes, que foram considerados “a salvação do rock”, assim como o indie rock do The Killers e do Arctic Monkeys…

 

E nos dias de hoje…

Bom, hoje em dia é meio difícil definir uma banda ou artista em um estilo só, né? Há tantas misturas e influências acontecendo o tempo todo… Algumas bandas dos anos 90 e 2000, como Coldplay e Foo Fighters representam bem a juventude roqueira dos anos 2010, que pode-se dizer que é um tanto saudosista… E também estão marcando nossa década nomes como Paramore, Of Monsters and Men, Imagine Dragons e Foster the People… Tem também os reality shows musicais, sempre revelando nomes como Scalene, Suricato, OutroEu…

Mas, como a década ainda não acabou, só nos resta aguardar e apreciar os novos nomes que surgem todos os dias. E para a juventude de hoje eu deixo um conselho: vão ao máximo de festivais que vocês puderem, não importando se são famosos ou não. É lá que você vai aprender a curtir música de verdade, mas ó, tenta fazer isso sem ficar filmando ou fotografando o tempo todo com o celular, tá? A verdadeira magia acontece ali, na troca entre a banda e seu público… #ficadica de alguém que já foi a mais festivais do que consegue se lembrar… 😉

 

Por hoje é isso e keep rocking!

Assinaturas

Fonte: Cifra Club

Anúncios

2 comentários sobre “Barulho: Dia do Rock

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s