Livro: O Quarto Dia – Sarah Lotz

Hey people, aqui é a Pâmella.

 

A resenha de hoje tem um gostinho meio nostálgico, parece que foi ontem que eu escrevi minha primeira resenha de livros aqui e nada mais justo que eu relembre dela com tanto carinho ao escrever a resenha hoje, até porque, o livro em questão é da Dona Sarah Lotz também. E se você, por um acaso, não leu minha primeira resenha, é só clicar aqui e conferir antes de continuar. 😉

Eu estava no aguardo desse novo livro da Sarah desde que eu li Os Três (que eu preciso reler para entender realmente) e, quando surgiu a data de lançamento, eu pirei, surtei legal mesmo. Então, vem comigo saber um pouquinho mais sobre essa nova história e entender o motivo da minha empolgação!

 

O Quarto Dia

o-quarto-dia

“Janeiro de 2017. Após cinco dias desaparecido, o navio O Belo Sonhador é encontrado à deriva no golfo do México. Poderia ser só mais um caso de falha de comunicação e pane mecânica… Se não fosse por um detalhe: não há uma pessoa viva sequer no cruzeiro. As autoridades acham indícios de uma epidemia de norovírus, mas apenas descobrem os corpos de duas passageiras. Para piorar, todos os registros e gravações de bordo sofreram danos irreparáveis. Como milhares de pessoas podem ter sumido sem deixar rastro? Teorias da conspiração se alastram, mas só há uma certeza: 2.962 passageiros e tripulantes simplesmente desapareceram no mar do Caribe.”

 Como sempre, os livros da Sarah te fazem pensar séria e profundamente. Você tem que ter toda a atenção do mundo e mais um pouco para entender o que está lendo, não que a leitura seja complicada mas, ela te leva para lugares onde você fica procurando como tal coisa poderia ter acontecido! Diferente de Os Três, esse livro foi um pouco mais fácil de entender, acho que ela viu que o povo ficou meio: “What The Fuck ? oO” com o último livro e fez desse uma versão mais light.

O livro conta a história pelo ponto de vista de 6 personagens diferentes e cada um deles sofre os efeitos do que acontece no navio de uma maneira, cada um tem seus próprios demônios para exorcizar antes de conhecer o que realmente está lá dentro do navio, isso se tiver mesmo um por lá…

12718322_1067534146643477_8110235988218152670_n

 O desenrolar da história é um pouquinho confuso e falta o terror que o livro promete, tem algumas partes que são confusas e, se você não estiver prestando atenção, você se perde total na história. Fora que chega uma parte em que você se perde de fato, porque já não sabe mais o que acontece de verdade, o motor deu pau, um norovírus se instalou por todo lugar, consequência de alimentos intoxicados, espíritos querendo se vingar do povo… Não tem como saber.

Acho que no fundo essa é a intenção da autora, mas faltou um pouquinho mais de informação aí, faltou um pouco mais de medo e enredo. Porém, não deixa de ser um bom livro. Uma coisa que eu adoro nos livros da Sarah é que ela sempre escreve as histórias uns dois anos antes do atual, ou um tempo depois. Isso quando ela não junta os dois. Acredito que isso dê um toque de realidade à história e te faz sentir parte mesmo do que acontece.

passagem_cruzeiro

No site da Editora Arqueiro eles têm uma passagem para embarcar nesse magnifico cruzeiro (cruzeiro da morte, só se for). Mas nem de graça eu faço uma viagem dessas, eu sou extremamente medrosa e preciso confessar pra vocês, desde que eu assisti Premonição 2, eu morro de medo de andar de metrô, eu tenho verdadeiro horror de andar naquilo. Eu entro toda poderosa, mas o negocio treme, uma luz pisca, cai um fio de cabelo do lado de fora e eu já começo a ter uma taquicardia. Não tenho estruturas pra esse tipo de coisas não, minha gente, eu não tenho um psicológico muito bom para assistir esses filmes ou ler esses livros e ficar de boa. Tanto que tem 3 livros de terror embaladinhos lá em casa que eu estou deixando eles juntarem um pó enquanto eu crio coragem para ler, hahaha. Mas tá difícil…

E como não poderia deixar de ser com os livros da Sarah, (juro que quando eu tiver a oportunidade de conhecê-la eu vou perguntar sobre isso) sempre tem um menino que aparece do nada e some do nada e ninguém sabe o que acontece com ele. Acho que precisamos ir mais a fundo nessa história aí, eu tenho algumas teorias sobre essa criança…

Qual o nível de amor por “O Quarto Dia”?

3corações

Faltou terror nessa história ai, tia Sarah…

Para comprar o seu, clique aqui.

Mas e vocês, podem me dizer o que aconteceu com o tal menino?

AssinaturaPamella

Anúncios

Barulho: Trilha Sonora de Velho Chico

Hey pessoas!! Como vão??

 

Mais uma quarta-feira musical aqui no L’Explorateur trazendo para vocês as melhores músicas das trilhas sonoras das novelas do momento.

Logo quando Velho Chico começou, a novela me chamou atenção, não só pela exuberância dos figurinos e da fotografia ou pelo time de atores de primeira em seu elenco, mas também pelas belas músicas brasileiras que fazem parte de sua trilha sonora.

velhochico

E é para falar dessa trilha sonora bapho que o Barulho de hoje será inteiramente dedicado! 😉

 

Caetano Veloso – Tropicália

Logo na abertura a novela já causa um arrepio com essa linda música interpretada pelo Caetano Veloso que homenageia um dos mais importantes movimentos musicais do país.

 

Maria Bethânia – Meu Primeiro Amor

Logo nas primeiras cenas do primeiro capítulo da novela, tivemos Carol Castro cantando essa música linda que é tema de Afrânio e Iolanda.

 

Gal Costa – Como 2 e 2

Outra música que é tema de Afrânio e Iolanda.

 

Raul Seixas – Metamorfose Ambulante

Outro clássico que vem para mostrar que não só de MPB vive Velho Chico, o rock também está presente!

 

Legião Urbana – Monte Castelo

Muito amor por essa música!

 

Maria Bethânia – Mortal Loucura

Essa é a música que toca nas cenas de Santo e Maria Teresa.

 

Eu posso até não estar acompanhando esta novela com frequência mas o pouco que vi serviu muito bem para sentir um respeito profundo por uma trilha sonora que honra e muito a música brasileira.

E é claro que essa é só uma parte da trilha de Velho Chico e que tem muito mais músicas incríveis de onde vieram estas. Para conferir a lista completa clique aqui.

 

Por hoje é isso e keep exploring!

Assinaturas

 

5 Perfis do Snapchat para seguir hoje!

Hey pessoas!! Como vão??

 

Que o Snapchat é a rede social do momento, isso todo mundo sabe! Com uma pegada muito mais divertida e menos “montada” do que o Instagram, pode-se até dizer que é a rede social da vida real, já que lá, vários famosos que a gente adora deixam um pouco de lado a perfeição que a gente está acostumado a ver e aparecem sem maquiagem, fazendo coisas do dia a dia e até pequenos desabafos…

Eu confesso que resisti um pouco para aderir a essa moda e uso mais para meu entretenimento do que para postar coisas, mas que tem sido muito divertido, ah isso tem sim…

E se você ainda resiste ao Snap e precisa de um empurrãozinho para decidir se entra nessa moda ou não, deixa eu te mostrar os 5 perfis do Snapchat que eu mais gosto de seguir, quem sabe você não acaba mudando de ideia??

 

Caio Braz

caiobrazsnap

Caio é um recifense arretado que manja muito de moda, tendências e atualidade. Eu o conheci em uma de suas participações no É De Casa, quando ele foi falar sobre ternos, e me encantei com seu jeito despachado de ser. Daí para segui-lo no Snap foi um pulo e, até então, não me arrependi! Ele fala sobre tudo: moda, mundo, música, política, tudo isso sem filtro! Se quiserem ter um gostinho do jeito do Caio, assistam o GNT Fashion, onde ele trabalha como repórter ou deem uma passada lá em seu canal do Youtube.

 

Hugo Gloss

hugoglosssnap

De blogueiro que falava sobre a vida dos famosos a referência no mundinho pop da internet! Quer ficar sabendo de tudo o que está mais in no momento? Hugo Gloss é o cara para se seguir. Fora que ele me arranca risadas com suas sacadas geniais e opiniões sobre tudo e todos. O Snap do Hugo é aquele que eu sigo para conhecer as músicas que estão bombando, lugares legais para se viajar ou pessoas legais para se seguir e um dos momentos mais legais é quando ele abre as caixas de recebidos, porque assim a gente fica por dentro de novas marcas e produtos.

 

Thaynara OG

thaynarasnap

Não, ela não é atriz, também não é modelo e muito menos cantora ou ex-bbb/fazenda. Thaynara é uma advogada maranhense que caiu nas graças dos “snapchaters” de plantão com seu jeito espontâneo e dividindo situações de seu cotidiano com a qual todo mortal vai se identificar. Ela é o mais novo xodó dos famosos e das marcas de moda e beleza porque tudo o que ela divulga, deslancha na hora. Vale ficar de olho porque Thaynara é garantia de entretenimento.

 

Bruna Tavares

brutavaressnap

Esse Snap é para quem quer ficar por dentro das novidades no mundo da maquiagem! Além de contar em primeira mão sobre os lançamentos de suas linhas de produtos, a Bruna ainda faz comparativos de maquiagens de marcas diferentes e conta um pouco sobre as inspirações por trás de suas próprias criações.

 

Bianca Andrade (Boca Rosa)

bocarosasnap

Que a Bia é uma das blogueiras mais amadas do momento, isso todo mundo sabe, né? Então, siga seu perfil no Snap e deixe que a humildade e a vibe positiva do dia a dia dessa garota te façam se apaixonar de vez por essa goxxxxtosa. E de quebra, ganhe dicas de maquiagem e estilo e dê muita risada com a forma sem moderação que ela usa os filtros do Snapchat, muito amor! ❤

 

Pronto, se você tinha lá suas dúvidas quanto a entrar na onda do Snapchat, faça um teste e siga essa galera por uma semana. Duvido você não viciar! 😉

Ah, e caso você esteja se perguntando, meu snap é jubs.miranda! Segue lá, vai?!

 

Por hoje é isso e keep exploring!

Assinaturas

Top 5: Michael Jackson

Hey pessoas!! Como vão??

 

No último sábado, dia 25 de junho, completamos 7 anos sem o cara que mudou para sempre a história da música pop.

Em 25 de junho de 2009, não se falava de outra coisa: o rei do pop tinha morrido. O cara que, apesar das polêmicas e diversas histórias mal contadas, era referência no cenário musical e que, com toda a sua competência e inovação, ainda se tornou ícone fashion.

Michael Jackson é um dos meus cantores favoritos, aquele cara que, quando uma música dele toca, eu sou inundada por uma sensação de reverência, de respeito. Como seu eu fosse uma pessoa de sorte por ter sido tocada por sua música.

E para que essa data nada comemorativa não passe em branco e carregada de tristeza, hoje vai ter Top 5 pra gente lembrar do que MJ era capaz e se alegrar com sua música de qualidade.

 

1. Michael Jackson – Bad

Já vou logo começar pela minha favorita!! Estão vendo a minha foto ali ao lado?? A caneca na qual eu estou “bebendo” tem a estampa de Bad, do Michael.

 

2. Michael Jackson – Human Nature

 

3. Michael Jackson – Smooth Criminal

A coreografia ❤

 

4. Michael Jackson – Don’t Stop ‘Til You Get Enough

 

5. Michael Jackson – Ghosts

Segunda coreografia favorita ❤

 

Claro que eu também amo Thriller, Billie Jean e Beat it, mas as 5 músicas do  MJ que moram no meu coração são essas que eu compartilhei com vocês hoje.

E pode até ter quem não gostasse muito dele mas é impossível negar o impacto que seu trabalho teve na forma como a maioria dos artistas que gostamos hoje trabalha.

E aí? Qual sua favorita do Rei do Pop?

 

Por hoje é isso e Who’s Bad?

Assinaturas

Livro: Um Presente da Tiffany – Melissa Hill

Hey people, aqui é a Pâmella.

 

Aqui estou eu nessa quinta-feira com mais uma resenha de livros para vocês e o livro de hoje eu não sei muito bem como classificar. Eu sou uma compradora compulsiva, eu sei disso e sei que deveria fazer uma terapia pra parar de comprar tantas coisas sem necessidade. Eu comprei este livro num impulso, vi na loja, achei o tom de azul da capa bonitinho, achei a sinopse bacaninha, fui lá e comprei!

Não sei dizer se eu estava sofrendo de uma ressaca literária quando comecei a lê-lo, se eu não estava numa vibe muito boa pra esse tipo de livro, não sei o que aconteceu direito mas, não morri de amores por ele não.

 

Um Presente da Tiffany 

“Véspera de Natal na Quinta Avenida: dois homens estão comprando presentes para as mulheres que amam. Gary quer dar para a namorada, Rachel, uma pulseira de berloques. Em parte, como agradecimento por ela ter pagado a viagem a Nova York durante as festas de fim de ano, mas principalmente porque ele deixou, como sempre, tudo para a última hora. Enquanto isso, Ethan está procurando algo mais especial — um anel de noivado para Vanessa, a mulher que conseguiu levar felicidade à sua vida e à de sua filha depois da morte da primeira esposa, que ele amava tanto. A vida desses dois casais acaba se cruzando por acidente. Quando as sacolas de compras dos dois homens se misturam sem que ninguém perceba, Rachel ganha o anel de noivado que seria de Vanessa, e encontrar a joia para entregá-la à sua legítima dona revela-se uma tarefa mais complicada do que Ethan imaginava. Será que o destino tem algo inesperado reservado para os casais? Ou será a magia da Tiffany que está no ar?”

Quando você lê a sinopse, você meio que já sabe o que esperar do livro, da história e tudo o que vai acontecer a partir dali. Isso não anima muito. Confesso que eu li os primeiros capítulos bem forçadamente, era eu pegar no livro e me dava sono, eu tinha preguiça até de abri-lo, tinha que ler e reler a mesma página diversas vezes, demorou para eu engatar e me interessar pela história mas, quando a coisa aconteceu, fluiu que foi uma beleza também.

Eu não sei o que eu faria para recuperar um anel caríssimo da Tiffany. Sério, entraria em pânico só de pensar em ter perdido algo tão valioso e caro e que eu ia dar de presente para outra pessoa. Pior ainda seria ver que a pessoa que “pegou” esse anel simplesmente não está nem aí e usa daquele ditado: “achado não é roubado, quem perdeu foi relaxado”, e ainda tira proveito da situação.

size_960_16_9_anel_tiffany

Daisy, a filha de Ethan, se mostra a mais prática e inteligente da história toda, mesmo para uma garotinha de 8 anos de idade. Ela tem uma visão bem simples de como as coisas poderiam ser resolvidas, ela que dá vida e diversão à história.

Eu consigo entender o desejo do Ethan de dar uma mãe para a filha, de fazer com que ela tenha a família que merece, que uma presença feminina na vida dela seria bom, porém, ele não pensa em como isso teria impacto em sua própria vida.

Vanessa parece ser a pessoa perfeita, a mulher que cuida e adora sua filha, a que o ama e com a qual ele se sente confortável e tal mas, não sei.. Não simpatizei muito com ela. E o que ela faz na metade da história confirma que eu estava certa desde o começo. Mulheres sabem desde o começo quando uma outra mulher presta ou não (mesmo essa mulher sendo uma personagem literária, kkkk).

Uma pessoa que me surpreendeu na história foi Gary, ele é folgado, acomodado, não se importa com ninguém além de si mesmo e durante toda a história ele tem um segredo que parece ser terrível e, quando a gente vai ver, o segredo nem é tão terrível assim e ele ainda consegue surpreender a todos. Houve momentos durante a leitura em que eu pensava: pelo amor de Deus, alguém dá um tiro nesse sujeito”, porque ele faz o tipo cretino de ser, mas como a gente bem sabe, tem umas mulheres que gostam desse tipo, né?

Rachel se mostra ser toda meiga e fofinha e, desculpem pela forma de expressar, até meio burrinha mas, é outra que também tem seu momento “vocês acham que eu sou frágil e burra até que ponto?” e também tem um reviravolta bastante válida na história.

Confesso que o final me deixou chocada, no meio do caminho a história da uma reviravolta que quando o livro acaba, você fica lá pensando no que aconteceu com os personagens, será que eles foram realmente felizes para sempre? Será que Gary mudou? Será que o Ethan finalmente conseguiu fazer a coisa certa? Essas perguntas ficaram martelando na minha cabeça por uns dias antes de eu começar a ler o livro seguinte e, na minha opinião, é isso que faz com que você perceba se um livro valeu a pena ou não, pela vontade de continuar a leitura que ele desperta em você!

Apesar de o começo ter sido bastante monótono e cansativo pra mim, o andar da carruagem seguiu de forma bem gostosa e eu consegui apreciar a leitura. No final das contas, acabou valendo a pena. 😉

um_presente_da_tiffany_dani_que_disse-2

Ah essa caixinha azul que é o sonho de consumo de toda mulher ❤

E agora, preparem-se! Vou fazer algo que, nunca na história do blog eu fiz! Vou deixar para vocês a primeira página do livro, só pra vocês ficarem com um gostinho de “quero saber o que acontece”. 😉

“Durante todo o dia — ou melhor, todo o mês — Ethan esteve preocupado com o que Daisy acharia daquilo. Especialmente porque aquela viagem para Nova York tinha um significado especial para ambos.

Mais cedo naquele dia, enquanto os dois tomavam uma xícara de chocolate quente em um café em Midtown, Ethan vira a filha cutucar um cupcake de limão com cobertura de glacê e soube que algo a preocupava. Como sua mãe sempre fizera, Daisy semicerrava os olhos e deslocava ligeiramente o maxilar para o lado quando se perdia em pensamentos.

— Você gostou da Times Square? — perguntou, sondando-a. — Gostou de todas aquelas luzes?

— É tudo tão lindo — respondeu Daisy, fazendo uma pausa para olhar o movimento da rua pela janela. — Mamãe dizia que Manhattan é como uma grande árvore de Natal nesta época do ano. Ela estava certa.

— Você lembra como sua mãe falava sobre isso, não é mesmo? — perguntou Ethan.

Ela abriu um pequeno sorriso.

— Sei que eu era pequena, mas adorava quando a mamãe contava essas coisas.

Ethan confirmou com um gesto de cabeça.

— É claro que ela estava certa quando disse que a cidade parece uma grande árvore de Natal. Sua mãe tinha razão sobre muitas coisas.

De repente, o significado de estar sentado com sua filha na cidade que a mãe dela tanto adorava invadiu Ethan e quase o fez perder o fôlego. Engoliu em seco, tentando retomar sua linha de pensamento.

— Sabe outra coisa sobre a qual sua mãe tinha razão? — acrescentou Ethan, e Daisy olhou-o com atenção, como sempre fazia quando ele falava sobre a mãe.

Ethan já reparara que sua filha ficava mais atenta quando ele oferecia uma peça do quebra-cabeça, cujas partes deviam parecer muito dispersas para ela; para ele, era como se a filha fosse uma espécie de arquivista, juntando e montando peças de um grande legado, colocando tudo em ordem.

— Sua mãe tinha razão quando disse que você se tornaria uma menina linda e brilhante — prosseguiu Ethan, com um sorriso.

Daisy sorriu e se virou novamente para a janela para olhar os transeuntes na movimentada Quinta Avenida na véspera do Natal.”

E então, gostaram da novidade? E qual é o meu nível de amor por “Um Presente da Tiffany“?

3corações

Não vou ser injusta aqui, o livro não é de todo ruim!

Você pode comprar o seu clicando aqui.

E aí, estão esperando o que para comprarem o exemplar de vocês e descobrirem o que acontece com o anel?

AssinaturaPamella

Barulho: Calvin Harris e Rihanna juntos novamente e Cauã Reymond travesti

Hey pessoas!! Como vão??

 

Segura, que hoje a quarta-feira tá toda trabalhada nos baphos musicais! Duvidam? Então, respondam rápido: o que você tem quando junta um Dj boy magya hitmaker com uma rainha #vidaloka lacradora??

A resposta está aqui abaixo:

Calvin Harris feat. Rihanna – This Is What You Came For

 

Calvin Harris is back e chamou Rihanna novamente para essa que é a terceira parceria deles. Depois de “Where Have You Been” e “We Found Love”, “This Is What You Came For” é a aposta da vez e nós sabemos o quanto a fórmula Calvin+Rihanna dá certo, né?

Não há surpresas quanto à música em si, é algo bem genérico, bem farofa mesmo. Mas que pode bombar nas pistas, e muito, isso não dá para negar. Afinal de contas, todo mundo curte uma farofa de vez em quando… 😉

 

Agora, amigo, se você abriu esse post só pra ver o Cauã de travesti, segura porque essa é a hora. Saca só:

Barbara Ohana – Your Armies

 

“Your Armies” é o mais novo single da cantora carioca Barbara Ohana e se você está pensando “quem diabos é essa”, surpresa! Eu acho que você já a conhece de longa data, bom, pelo menos se você assistia Verdades Secretas, conhece essa musiquinha aqui:

 

Siiiim! Barbara é responsável por “Golden Hours”, que é uma das minhas músicas favoritas dos últimos tempos e agora está gerando o maior falatório com seu mais novo clipe que traz o galã global Cauã Reymond interpretando uma transexual que é agredida pelo cara com quem saiu e que pede a ajuda da amiga (no caso a Barbara) para se vingar.

O clipe está dividindo opiniões porque algumas pessoas acham que, ao invés de ter um ator já consagrado para fazer o papel de uma transexual, eles poderiam ter dado a oportunidade para uma atriz que fosse transexual de fato e abrir esse espaço na mídia. Por outro lado, há quem ache que o fato de ter um galã de novela que só faz papéis heterossexuais e é considerado símbolo sexual levantando essa bandeira é exatamente o que torna o clipe tão especial.

E para te ajudar a decidir de que lado você está, você pode dar uma conferida nessa entrevista aqui concedida à MTV, onde a Barbara explica um pouco sobre a música e o clipe.

Bom, o que não há como negar é que o Cauã se entregou de fato à personagem e provou, de novo, que não é só mais um galãzinho, não! Pontos pelo close certíssimo, Cauã!

E aí, o que vocês acharam das novidades??

 

Por hoje é isso e keep exploring!

Assinaturas

Feel Good: Blindando nosso corpo – Aumente sua imunidade na cozinha

Oi gente! Tudo bem?

 

A temperatura cai e nós logo começamos a nos preocupar com a nossa imunidade, que por ser o sistema de defesa do corpo, atua no combate aos vírus e bactérias que teimam em querer entrar no nosso organismo. Quando fortalecida, a imunidade é capaz de manter seu corpo protegido de gripes, resfriados e outros tipos de infecções – como a urinária, por exemplo.

Sabendo disso podemos entender que não basta tomar suco de laranja todos os dias do outono-inverno para manter a imunidade em alta, não é mesmo? Esse é um trabalho de formiguinha, ou seja, devagar e sempre.

dieta-detox-mulher-tomando-suco-12995

Alguns hábitos são fundamentais para fortalecer seu organismo, entre eles estão, ter horas suficientes de sono, praticar exercícios físicos, controlar o estresse e ter uma boa alimentação.

Consumir a recomendação diária de três porções de frutas e duas porções de vegetais (verduras e legumes) já garante uma imunidade melhor.

Existem alguns alimentos que atuam em conjunto com as frutas e vegetais nos fornecendo os nutrientes necessários para o fortalecimento das nossas defesas, são os seguintes:

graos-integrais-620x413

Cereais Integrais e Feijões: Por serem ricos em zinco auxiliam no combate aos resfriados, gripes e outras doenças do sistema imunológico. Consuma, no máximo, seis porções de cereais integrais e duas porções de feijões por dia.

Iogurte e Leite Fermentado: São fontes de probióticos, ou seja, bactérias benéficas que ajudam no equilíbrio da flora intestinal e fortalecem a barreira imunológica. Consuma, no mínimo, uma porção diariamente.

alho

Alho: Contém alicina, um composto bioativo que combate infecções e microrganismos. Para aproveitar seus benefícios ao máximo o ideal é consumir o alho cru, picado ou esmagado.

Gengibre: Atua sobre a imunidade e tem poder anti-inflamatório, analgésico e antitérmico. Você pode consumi-lo na forma de chá ou acrescentá-lo nas suas receitas.

sementes-oleaginosas

Oleaginosas: São ricas em vitamina E que potencializa a atividade imunológica. Consuma as nozes, castanhas, amêndoas e os óleos vegetais (de canola, milho, gérmen de trigo e girassol) diariamente.

Cúrcuma: Combate inflamações e reduz a febre. Você pode incluir esse tempero em diversos tipos de receitas, comece com quantidades pequenas.

 

Bom, seguindo essas dicas fica bem mais fácil se manter saudável não só nas épocas em que as doenças estão em alta… Cuide da sua imunidade o ano todo!

Duvidas e sugestões, é só deixar nos comentários!

 

Beijos e até a próxima!

AssinaturaVitória

CRN 341074

www.vitoriatembenutri.com