Livro: A Rainha Vermelha – Victoria Aveyard

Hey people, aqui é a Pâmella.

 

O livro de hoje tem uma pegada meio Jogos Vorazes, todo movido à revolução e à vontade de um povo mais pobre de ter uma vida melhor e com um pouco mais de dignidade.

A grande revelação é: esse é o primeiro livro da autora Victoria Aveyard e já é um grande sucesso de vendas, já temos até rumores para adaptação cinematográfica, adaptação essa que eu já estou aguardando ansiosamente. Esse filme promete ser record em bilheteria e olha que temos apenas rumores de um possível filme. Dá pra ter uma ideia de como esse livro é bom, né?

Eu nunca tinha ouvido falar nele até dar uma voltinha pela Fenac que tem perto do serviço, uma colega comentou que eu deveria comprar e ler pra ver se valia a pena ela ler depois; Aquela coisa: não vou gastar dinheiro mas se você comprar e for bom eu leio, sabe? Acabou sendo um ótimo conselho, porque o livro é surpreendente.

Enfim, eu comprei, li… E gostei!  🙂

A Rainha Vermelha

download

“O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso. Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho?
Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe e Mare contra seu próprio coração.”

A vida de Mare Barrow não é nada fácil no vilarejo em que ela mora, onde todos são pobres e fazem o que pode para sobreviver sob o comando dos prateados. Na vila de Palafitas, quando se completa 18 anos, ou você já tem um trabalho ou você é retirado de sua casa e enviado para uma guerra sem nenhum propósito. Sem contar que seu mundo é dividido pela cor do sangue. Aqueles que tem o sangue Vermelho são considerados a ralé, os “escravos”, os que só existem para fazer o serviço sujo e ir lutar na guerra que o Prateados levam por anos sem nem saber mais o motivo pelo qual ela continua. E existem os de sangue Prateado, que são a realeza. Eles possuem todo o tipo de poderes e usam-os para explorar os vermelhos. Eu fico imaginando como seria conhecer alguém com o sangue prateado, precisamos dar um crédito para a tia Victoria pela criatividade.

Para ter uma vida um pouco menos pior, Mare rouba tudo que consegue e tenta dar uma vida um pouco mais digna aos pais e a irmã que, graças ao emprego de costureira, continua em casa depois que os outros 3 irmãos mais velhos foram enviados para a guerra. Depois de descobrir que seu melhor amigo perdeu o emprego e vai ser enviado para a guerra também, Mare toma uma decisão um pouco dramática para tentar salvar aos dois. Mare procura um dos “revendedores” de Palafitas e acaba por descobrir a existência da Guarda Escarlate. Eu até senti vontade de me juntar a eles.

perfil-3

Mas o mundo de Mare vira de ponta cabeça quando ela descobre que tem um superpoder que não a pertence afinal, ela é uma vermelha e vermelhos não tem poderes, servem apenas para serem usados. Agora, caro leitor, imagine você descobrir que tem um poder super fodástico e não saber controla-lo ou usa-lo? Tá imaginando a situação? Tá imaginando o tormento? Eu ficaria doidinha se descobrisse que posso ler pensamentos mas sem saber a hora certa de ler, por exemplo. Se coloquem no lugar da nossa querida Mare, que descobre que pode ser bastante destrutiva quando quer, em um lugar aonde todos que a escravizaram e a fizeram passar fome estão ao seu redor. Nada fácil.

Se tem uma coisa que eu gostei no livro e que é bem comum na nossa vida, é uma frase que a Mare aprende com seu professor: TODO MUNDO PODE TRAIR TODO MUNDO. Sim, Mare aprende isso da pior forma possível e de uma pessoa que ela jamais imaginaria que iria trai-la mas, assim também acontece na vida né?

a rainha

O melhor da história é que, no meio de toda essa revolta e guerra, tem uma pitadinha de romance. Mas só uma pitadinha mesmo, quase não se fala de amor ou tem uma formação definida de casal. Por um momento lembra o triangulo Peeta, Katniss e Gale. Tem o melhor amigo da Mare que tá ali sempre por perto e todo apaixonadinho por ela, a Mare revoltada e sem tempo pra esse tipo de palhaçada e o príncipe Cal que a ajuda e dá uma certa sensação de segurança. Bem Jogos Vorazes, porém… O foco da história não é esse. Nem de longe…

A escrita do livro é fácil mas o começo foi um pouco cansativo, dava para saber que a autora estava começando agora, tiveram alguns momentos em que eu quase desisti de ler. Não tinha vontade de ler mais, me cansava, ficava dando voltas… Até que melhorou e muito. O livro também tem um detalhe bem bacana que ele vem com seu próprio marcador na contra capa, confesso que eu fiquei com dó de cortar mas, cortei e usei porque sim. kkkk
20150802_152013

O que mais me surpreendeu nesse livro foi o final, eu juro que eu fiquei: “COMO ASSIM, PRODUÇÃO? TÁ CERTO ISSO? ISSO TÁ MESMO ACONTECENDO? NÃO PODE SER”. Fiquei realmente passada com o final e queria muito a continuação, fiquei me coçando pra saber o que ia acontecer, porque as coisas não podiam ter acabado daquela forma, não era possível que o final ia ser aquele, eu não tive estruturas pra esse final, não tive mesmo. Se preparem para esse final também, pessoal. Porque não vai ser fácil, não!

a-rainha-vermelha

Meu amor só não é maior devido ao começo que não foi tão envolvente assim. 

4corações

Você pode comprar o livro clicando aqui.

AssinaturaPamella

Anúncios

Um comentário sobre “Livro: A Rainha Vermelha – Victoria Aveyard

  1. Pingback: Livro: Espada de Vidro – Victoria Aveyard |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s