Livro: Cidades de Papel

Hey people!!

Vamos falar sobre outro queridinho do João Verde?? 😉

Com exceção de Will & Will, todos os livros do John tem uma garota superinteligente com problemas de identidade ou auto estima e, adivinhem? Sempre tem um cara que se apaixona por essas garotas. Qual o problema desses caras?? o.O

Com Cidades de Papel é a mesma coisa, só que, como sempre, sendo um livro de John Green o final nunca é como o esperado… ¬¬

Cidades de Papel 

“Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnifica vizinha e colega de escola Margo Roth Spigelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido só outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Quentin vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Quentin se aproxima de Margo, mas se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.”

Margo Roth Spiegelman tem o costume de desaparecer e reaparecer sempre que quer, portanto ninguém se importa com os ”sumiços” dela, ninguém exceto Quentin. Por ter sido a última pessoa a vê-la, ele supõe que ela o deixou pistas e sai em busca dela junto com seus dois melhores amigos. Ahh o amor ❤ Sempre nos iludindo!!

O decorrer da história é uma reviravolta e você se vê no meio da caçada em busca da Margo, você visita os lugares e começa a ver as coisas do ponto de vista dela, você começa a se identificar e, chega uma hora que você se pega pensando ‘Putz, isso é tão óbvio. Como foi que eu não vi isso antes? ‘. Mas não digo isso sobre uma visão sobre o livro e sim, uma visão sobre a vida, esse é o superpoder do Tio Verde: te fazer pensar na vida.

O livro também aborda um tema que é comum no dia a dia e a gente só se dá conta quando já é um pouco tarde demais, em como a gente pensa que conhece uma pessoa quando, na verdade, a gente não sabe nada sobre ela. Quentin acha que sabe tudo sobre Margo e que entende ela perfeitamente bem, quando ela se mostra totalmente o oposto do que ele esperava dela.

 

O final do livro é meio “Como assim?” :O

Não é nada do que você imaginava, afinal, qual livro do John Green tem o final do jeito que você espera? Nenhum né? Mas eu gosto da forma como termina esse livro, por que mostra que, depois de toda a busca, você pode ver o quanto você aprendeu, mudou, cresceu e, que você começa a ver a vida de outra forma.

Sabe a Isabela Freitas? Desconfio que ela seja uma grande fã dos livros do John, tanto que fez um post sobre as melhores frases de Cidades de Papel. Confere aqui.

O livro vai virar filme e vocês se lembram do melhor amigo do Gus de A Culpa é Das Estrelas? O nosso ‘ALWAYS’ Isaac (Nat Wolf) irá fazer o Quentin e a modelo engraçadinha Cara Delevigne irá interpretar a Margo.

Com as palavras do próprio John Green “A audição de Cara deixou todos boquiabertos (inclusive EU!) e ela entende Margo tão profundamente. Estou tão animado!

Todo mundo sabe que o John escolhe a dedos os atores que irão interpretar os seus personagens e acompanha a todas as gravações. Se ele diz que está certo, confiaremos em seu bom gosto, pelo menos ele acertou em ACEDE.

O filme ainda não tem previsão de estreia, mas acredito que em 2015/16 já esteja chegando às telonas por aqui. Só nos resta esperar… 🙂

“Isso sempre me pareceu tão ridículo, que as pessoas pudessem querer ficar com alguém só por causa da beleza. É como escolher o cereal de manhã pela cor, e não pelo sabor…”

Você pode comprar o livro clicando aqui.

AssinaturaPamella

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s